Vinho e seu Cérebro – Saúde e Longevidade

Postado em por

Vinho e seu Cérebro. Bora dar SAÚDE ao seu CÉREBRO, coma ajuda de Um Vinho BEM FEITO??

Vinho e seu Cérebro.

Vinho,  cheiros sabores e a SAÚDE DE SEU CÉREBRO.
As vezes seu cérebro parece
que se desmonta, dá branco...esquece ?

O Vinho e a ousadia de sabores dando vida e longevidade ao seu cérebro!!

O sabor amargo e o ácido, estimulam as papilas e os neurônios.
Os estímulos sensorias externos são permanentemente percebidos, analisados e decifrados pelo cérebro.

Os de ordem gustativa e olfativa são de importância primordial.
Novos sabores, aromas incomuns e texturas inéditas obrigam o cérebro a trabalhar para decodificar
e memorizar esses dados, até aquele momento desconhecidos.

Assim, sendo solicitado regularmente, o cérebro permanece alerta e funcionando.
POR ISSO APOSTE NA DIVERSIDADE ALIMENTAR
O PALADAR E O OLFATO são SENTIDOS Indissociáveis.

E foram por muito tempo considerados distintos ... de fato estão ligados anatômica e funcionalmente,
reagem a estímulos químicos e despertam reações emocionais fortes.

- Uma grande parte do que chamamos de gosto dos alimentos vem na realidade de seu aroma ... este chega às fossas nasais
pelo fundo da boca (retro-olfato).
Ao contrário da visão e audição ... o palato, o olfato e o tato, em se falando de sua cavidade bucal, respondem a um estímulo químico.
(TATO - tateará com a ajuda de suas papilas o alimento liquido e sólido dentro de sua cavidade bucal).

Existem centenas de milhares de moléculas diferentes: mesmo que não sejamos capazes de perceber todas elas,
o repertório destes três sentidos é enorme.
A consequência: os gostos, os aromas e o "peso" tátil provocam reações muito fortes, que vão
do prazer a ... rejeição.
Nossa capacidade de memorização dos aromas e dos sabores vem muito provavelmente desta forte carga emocional.

- Invarivelmente as pessoas confundem os estimulos quando falamos de VINHO (alimento líquido),
talvez por isso SEJA tão "fácil" enganar com manipulações laboratoriais e mascaramentos os "vinhos", ou melhor, bebidas que podem ser chamadas de tudo menos de "vinho".
PENSE NISSO.

E, Quer saber??!! 😉
Melhor não só pensar, pois em minhas aulas acabei por trilhar um caminho sem volta ONDE O ENSINO DO VINHO é primordial, e vai muito além em sua
SAUDE física, mental e emocional.

- Na mescla de alimentos com harmonizações e texturas inusitas treinando SUAS PERCEPÇÕES ao Extremo também acabo induzindo e treinando você
por caminhos que beneficiam você COMO UM TODO,

No caso que relato neste pequeno texto é o BENEFÍCIO ao seu cérebro.

O VINHO BEM FEITO (que não significa Fama ou notas altas de críticos) 
é um Potenciador do cérebro
O vinho tinto melhora os processos cognitivos, e como isso acontece? São muitos os estudos que demonstram que beber vinho de forma equilibrada, moderada, porém constante,
previne demências e doenças degenerativas do cérebro.
O vinho também diminui as inflamações, evita o endurecimento das artérias e, além disso, inibe a coagulação, melhorando assim o fluxo sanguíneo. É maravilhoso.

Quebre Objeções , não tenha pré conceitos com o Vinho. Pois é um grande alimento de gente da "terra".

Tags:, , , , , , , , ,

2 Respostas

  1. JBSFLIX disse:

    Paola é ótimo aprender com você. Gratidão, Muito Obrigado.